Mãe procura filha desaparecida que mora hoje em Itanhaém.

Itália de Barros, de 90 anos de idade, perdeu contato com sua filha Maysa de barros 64 anos, nascida na cidade de São Paulo, em15/05/1957.

Mensagem pedindo ajuda enviada a esse Jornal na Integra.

Venho nesta, pedir ajuda a esse jornal, para que procure no município de Itanhaém/S.P., o paradeiro da minha filha MAYSA DE BARROS, 64 anos de idade, nascida na cidade de São Paulo, em 15/05/1957 (foto anexa).

A última vez que vi minha filha foi no meu aniversário, 01/06/2021. Após esse tempo, minha filha não apareceu mais no meu endereço na cidade de São Paulo.

Peço ajuda aos senhores, pois na última vez que falou comigo, informou-me que havia se mudado para Itanhaém com seu filho e meu neto, Leonardo Slesaczek, 29 anos de idade, onde há anos mora seu pai, Alexandre Georg Slesaczek.

Eu sou Itália de Barros, 90 anos de idade, natural de Franca, mas vivo na cidade de São Paulo, praticamente por toda minha vida.

Quem escreve essa mensagem é o único irmão de Maysa, Linneu de Barros Junior, 56 anos de idade, natural de São Paulo/S.P., morador da cidade de Jaú/S.P.

Estamos muito preocupados com o sumiço dela e desejamos que ela retorne contato pelo telefone: (14) 3418-1810 ou vá ao endereço de sua mãe que ela sabe onde é, e a deixou sozinha lá, desde que se mudou do mesmo local.

Agradeço a atenção dos senhores, Itália de Barros.

Encontro-me a disposição para quaisquer dúvidas e esclarecimentos, Linneu de Barros Junior. 

“Então quem viu, ou conhece esta pessoa por favor vamos ajudar essa mãezinha de 90 anos que está sofrendo a falta da filha”.

Contato (14) 3418-1810 Sr. LINEU DE BARROS JUNIOR

Relacionados